3 Min para ler

Mercado Imobiliário: Onde investir em 2021

Por: Keezag
Mercado Imobiliário: Onde investir em 2021

Em 2019, a PwC considerou Lisboa como o melhor destino de investimento imobiliário da Europa. Em 2020 a cidade desceu para a 10ª posição e, em 2021, a capital europeia está fora do Top 10 do Emerging Trends in Real Estate: Europe 2021. Ainda assim, este ano, é considerada uma das cidades com potencial médio de investimento.


No final do ano passado, o Confidencial Imobiliário, anunciou que o preço de venda das casas em Portugal registou uma variação mensal de 0,3% em novembro. Em dezembro registou 1,8% acima dos valores de fevereiro desses mesmo ano, altura de pré-Covid. Tendo sido um mês com um importante contributo para a evolução acumulada.

No final de 2020, a Moody’s, uma das mais famosas e influentes agências de classificação de risco, anunciou que os preços das casas em Portugal iriam baixar cerca de 2%, em resposta à crise mundial provocada pelo Coronavirus. Em contrapartida, o investimento imobiliário seria mais atrativo devido às taxas de juro com níveis mais baixos, atenuando a pressão sobre os proprietários dos imóveis.

2021: Variação e preço do m2

Os preços dos imóveis em Portugal, registaram uma valorização a partir de 2014, aumentando 4,5% em 2015, 4,8& em 2016, 4,6% em 2017, 6,1% em 2018 e 8,3% em 2019. Apesar de em 2020 terem estabilizado, o mercado imobiliário português continua forte e atrativo.

Os locais mais dispendiosos para comprar um imóvel em Portugal em 2021 continuam a ser Lisboa e Algarve, atraindo investidores estrangeiros que não vêm a pandemia como um travão para os seus negócios, principalmente na área da tecnologia. A região centro do país, Braga e Castelo Branco, continuam a ser os distritos mais baratos.

Global Property Guide partilhou, em janeiro de 2021, os valores do metro quadrado registados em novembro de 2020:

  • Na área metropolitana de Lisboa, os preços dos imóveis subiram 5,83% em novembro de 2020, face ao ano anterior. Atualmente o valor médio por m2 é de 1.507€;
  • No norte do país, o preço médio dos imóveis aumentaram 3,87% em novembro de 2020, registando uma média de 994€/m2;
  • No Alentejo, os preços dos imóveis aumentaram 2,84%, custando atualmente, cada imóvel, cerca de 833€ /m2;
  • No Algarve, os preços dos imóveis continuam a crescer, tendo um aumento significativo de 7,28%  Atualmente, um imóvel pode custar 1.562€/ m2.
  • Nos Açores, os preços dos imóveis aumentaram 3,41%, em comparação com o ano passado. 940€ é o preço médio por metro quadrado na Região Autónoma dos Açores
  • Na Madeira, o preço médio dos imóveis aumentou 2,55%. A ilha, que tem vindo a atrair turistas e nómadas digitais, registou um valor de 1.168€/m2.

No que diz respeito às rendas, segundo o Confidencial imobiliário, Lisboa volta a ter rendas nos mesmos níveis de 2017, registando uma queda homóloga de 16,8% no 4º trimestre.

Partilhar:

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *