5 Min para ler

Social Selling: como angariar através das redes sociais

Por: Patrícia Nogueira
Social Selling: como angariar através das redes sociais

Já se questionou sobre o porquê de não estar a conseguir angariar novos clientes através das redes sociais? Talvez esteja apenas a construir a tentar vendê-la e não a construi-la. Saiba como um Consultor Imobiliário pode angariar e aumentar as suas vendas através do Social Selling.


O Social Selling é a capacidade de usar as redes sociais para encontrar, compreender e criar ligações com potenciais clientes. Não é uma forma direta de abordar um futuro cliente, mas sim uma forma de criar visibilidade suficiente para que seja a primeira solução quando um potencial cliente, realmente, precisar de comprar um produto ou serviço. Se já tem uma perfil no Facebook ou no Linkedin, provavelmente já começou a criar esta relação, mas será que a está a fazer de forma correta?

Por mais que a tecnologia tenha benefícios, é importante encontrar um equilíbrio, principalmente numa área que fomenta a confiança durante todo o processo. Pode utilizar as ferramentas automatizadas para poupar tempo ou mesmo qualficar leads, mas estas ainda não estão desenhadas para criar uma relação mais ‘humana’ com o potencial cliente, quando este estiver a falar sobre algo que não implica diretamente a sua empresa (explicaremos mais à frente) ou quando quiser fechar a venda.

Por isso, apareça e esteja presente. O objetivo do Social Selling é mostrar-se acessível e construir uma relação de confiança. Comece por olhar para o seu perfil como se fosse um cliente e certifique-se de que o otimiza em todas as plataformas. Procure ter uma mensagem consistente. Seja no Facebook, Linkedin, Instagram, Tik Tok, Pinterest ou Twitter, todas contam.

Idenfique os potenciais compradores

Ler de forma estratégica o que os seus clientes, e potenciais clientes, partilham nas redes sociais é o passo mais importante para uma futura conversão. Se estiver atento, vai perceber quais as opiniões em relação ao mercado, à sua empresa ou empresas concorrentes. Pode ser uma boa oportunidade para sugerir a solução para um problema.

Contudo, recomendamos que, antes de entrar em contacto com algum potencial comprador, veja se têm alguém em comum. Se sim, pode pedir ao vosso conhecido que vos apresente, por exemplo. Ou então personalize a mensagem que quer enviar  com base nas informações partilhadas.

Acrescente valor

Conteúdo, conteúdo e conteúdo. Mas conteúdo com valor. Não há nada mais importante do que o conteúdo que decide partilhar e escrever sobre. Não adianta partilhar uma publicação por dia se nenhuma dessas publicações muda alguma coisa no dia de quem segue o seu trabalho. Ou seja, tem de fornecer informações valiosas aos leitores certos, no momento certo.

Por exemplo, se estiver  a vender um produto, não fale sempre sobre ele numa ótica de venda, partilhe antes como este pode acrescentar valor e ser a solução para um problema, partilhe conhecimentos seus e ainda conteúdos de especialistas com um breve comentário onde mostra o seu conhecimento.

Lembre-se de que o objetivo no Social Selling é estabelecer uma relação, por isso, desenvolva uma estratégia de conteúdo a médio prazo, que considere mais adequada. Seja criativo!

Use Chatbots

No primeiro ponto falámos em humanização e na importância de existir um equilíbrio. Se ainda não começou a incluir a tecnologia nesta balança, comece agora.

O tempo não estica, por isso podemos ótimizá-lo com algumas ferramentas tecnológicas que não nos substituem, mas qualificam os clientes e podem ajudar a encurtar processos para que possa, posteriormente, ter um atendimento mais personalizado. Os chatbots podem conversar com os visitantes do seu website ou da sua rede social para, numa primeira fase, descobrirem os seus interesses, captando e qualificando leads, com perguntas e conteúdos relevantes,  fortalecendo o relacionamento numa pós venda.

Mais uma vez, seja presente!

O Social Selling não é só sobre fazer publicações nas redes sociais, é também sobre manter uma relação com os seus clientes ou pessoas com quem já estabeleceu um primeiro contacto. Preste atenção ao conteúdo publicado pelas mesmas e deixe um like ou um comentário sempre que possível. Se alguém pedir ajuda ou um conselho, dê o seu contributo.

Social Selling no Linkedin 

O Linkedin pode não parecer a plataforma mais fácil, mas é a plataforma perfeita para um Consultor Imobiliário.

Peça recomendações. Mostre a credibilidade do seu trabalho. Peça recomendações a pessoas com quem já trabalhou, quem já foram seus clientes, ou que conhecem de perto o que faz. Construa o seu perfil de forma a mostrar o seu potencial enquanto profissional, mostrando como ajudou clientes a atingir os seus objetivos, por exemplo.

Crie conexões. Aproveite o Linkedin para fazer prospeção! Utilize a pesquisa avançada do Linkedin para pesquisar pessoas na sua área de atuação e para encontrar profissionais com quem pode estabelecer uma parceria e até mesmo aprender.

Socialize em grupos. Peça para aderir a grupos que sejam relevantes para o seu sector e interaja não só nas publicações dos outros, mas também com o seu trabalho.

Por fim, pode utilizar a própria ferramenta do Linkedin, o Sales Navigator. Através desta ferramenta pode receber sugestões personalizadas de acordo com a sua empresa. Enquanto Consultor Imobiliário pode fazer prospecção de acordo com as suas preferências. Basicamente, através do um filtro avançado, pode filtrar o cargo, palavras-chave, localidade, código postal, país, ou mesmo amigos em comum.

 

Ouça o episódio keetalks com o Rodrigo Nogueira, especialista em Marketing Digital:

A keezag descomplica. Experimente. Só tem a ganhar!

Partilhar:

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *